Arquivo da tag: assessoria de comunicação

Viagem ao universo de Rosario

Quando fui convidada para fazer a assessoria de Rosario, de Márcio Cunha, imediatamente fiquei animada com a proposta artística do coreógrafo e pesquisador para o espetáculo de dança que investiga a vida e a obra de Arthur Bispo do Rosário. A montagem fecha a trilogia criada e protagonizada pelo bailarino, onde une artes plásticas e dança – os outros foram Frida-me e Céu de Basquiat. Em curtíssima temporada no Mezanino do Sesc Copacabana (RJ), na última quinta-feira fui impactada com a estreia do espetáculo, que contou com a presença de Arlindo, ex interno da Colônia Juliano Moreira que assina o “Barco” da instalação cenográfica. Arlindo foi convidado e, inesperadamente, participou ativamente da cena e nos levou ao melhor lugar que o teatro pode nos levar. Assim, entre o sagrado e o profano, sai da apresentação com a certeza de que Rosario foi para mim um espetáculo inesquecível. Até domingo ainda da tempo de conferir as últimas apresentações da montagem. A imagem deste post é a crítica que tivemos no O Globo, assinada pela Adriana Pavlova. Foi intenso, Márcio Cunha. Obrigada.

Clipping: https://drive.google.com/open?id=1wpNVBBZEBK7-RwtxHTziLUOHucwiKwBj

 

Silvio Tendler coloca “Dedo na Ferida” do captalismo |nos cinemas 31 de maio

Um documentário incomodamente atual sobre o captalismo, as sucessivas crises que paises vivem a partir de falta de políca que prevaleça a população e não apenas os donos do dinheiro. “Dedo na Ferida”,  do nosso insubstituivel cineasta Silvio Tendler,  o professor que discute, bebate e coloca na tela, o cineasta que considero a maior voz documental política do Brasil. Os jornais da cidade do Rio – JB (sábado, 26/5) e O Globo (Hoje, 29/5) – apoiaram a “grita” e lá vamos nós abrir o circuito nos cinemas do Rio de Janeiro (6af, 31/5), Fortaleza (5 de junho), Brasília (7/6), São Paulo e Porto Alegre (21/6).
Como sempre em casos do “Seu Silvio”, convidei Susana Ribeiro para fazer a parceria comigo. E vamos gritar juntos por um país melhor e mais justo para todos. Espero vocês nos cinemas!!!

Clipping: https://drive.google.com/open?id=1Txrs6k-S-NKEQFdnYSbckDRrp6sueycW
Trailer do filme: https://youtu.be/FGj4d-FrxL0

Foto montagem capas @PatriciaFernandes

Música, trabalho e paciência | Bourbon Festival Paraty 10 anos

“Ainda não sabemos como vamos voltar, se teremos combustível, mas estamos adorando estar aqui mesmo assim”, ouvi a moça falar para a amiga no gramado repleto do Palco Santa Rita – com famílias com suas crianças, jovens, casais e amigos de todas as idades, cachorros. É a programação que acontece durante a tarde, no palco que fica à frente da Igreja de Santa Rita, na décima edição do Bourbon Festival Paraty, que acontece no meio desse caos no Brasil. Nem tudo foi só alegrias e a tensão invadiu com a possibilidade de não ter equipamentos de som para a montagem, mas tudo foi se resolvendo, a turma ficou de vigília, a estrutura de camarim ficou meio de improviso, mas em cada ruela, em cada muro que se transforma em fundo de palco aconchegante, lá está ela: a música.
Enquanto o Brasil está lutando por dias melhores, nós estamos aqui fazendo cultura pelo país, em Paraty, assim como em outros festivais que estão acontecendo neste momento, como em Curitiba, como o BB Seguros de Blues e Jazz.
Parece que estamos numa bolha, mas não, apenas estamos fazendo a nossa parte para que algo bom não seja diminuído diante da urgência da causa dos caminhoneiros, da causa de dias melhores para todos nós. Estamos fazendo festivas e música por todos eles e por todos nós também, já que a cultura é a identidade de um povo e não pode ser calada.
Hoje, mesmo com as atenções nos noticiários, tivemos uma tarde de celebração e paz e já já o Palco Matriz (montado na praça da Igreja da Matriz) recebe o show do nosso querido Cesar Camargo Mariano com a jovem Madison McFerrin. A noite fecha com a belezura da revelação Blackalbino, que nos brinda com Tony Tornado, o aniversariante da noite, que comemora no palco os seus bem vividos 88 anos.
Como tudo neste país, da muito trabalho, tem que ter muita paciência, mas quando olhamos em volta é um prazer ter a coragem de não desistir e ver que a música está por toda parte, por dentro de todos nós.

Foto Pedro Guida
Rio de Janeiro, 26 de maio de 2018.

III Jantar Sim à Igualdade Racial

Que tenhamos sempre muitos veiculos interessados na luta pela igualdade no Brasil. O III Jantar Beneficente Sim à Igualdade Racial, realizado no Copacabana Palace, RJ, no último dia 17 de maio, foi um sucesso. A foto traduz um pouco do nosso trabalho neste lindo projeto. Nós também dizemos sim à igualdade racial.
Assessoria de imprensa do ID_BR com Ana Paula Romeiro.

Clipping III Jantar Sim à Igualdade Racial: https://drive.google.com/open?id=1vdEoTyD6Tv_JBu7AUha-T7FxUheOIY6C

http://simaigualdaderacial.com.br/idbr/
Foto, Silvana Cardoso

Detonautas Roque Clube e Lucas Lucco em parceria inédita

E lá vamos nós, eu e Ana Paula Romeiro, fazer mais este sucesso do Detonautas Roque Clube: Por Onde Você Anda? A canção do álbum VI chega agora em gravação com a participação especial do cantor e compositor Lucas Lucco. E você sabia que Lucas Lucco cantava músicas do Detonautas quando cantava na noite?  Pois é, vai lá conferir, Já em todas as plataformas digitais.
https://onerpm.lnk.to/DetonautasRoqueClube

 

Maio de 68 – 50 Anos Depois | Assessoria de Imprensa

E quanta história temos para contar, quantas lágrimas e muitas canções inesquecíveis, para falar de Maio de 68  – 50 Anos Depois, título da grande homenagem que o Consulado da França realiza neste mês de maio, para relembrar o ano que foi um marco na história do Brasil e da França – com concerto, mesa de debates, exposição e mostra de filmes.
Com roteiro da querida Luciana Medeiros, no dia 4 de maio, 6af, na Sala Cecilia Meireles, às 20 horas, acontece o concerto Maio de 68 – 50 Anos Depois, 
A noite conta com a Orquestra Sinfônica Cesgranrio, Soraya Ravenle e as participações especialíssimas das cantoras Cynara e Cyva (do Quarteto em Cy), como intérpretes de Saiá, música de Chico Buarque e Tom Jobim, que ganhou o Festival da Canção daquele ano (defendida pelas irmãs  Cynara e Cybele). No roteiro, Soraya Ravenle interpreta algumas das canções mais importantes da música popular brasileira, como: Andança, de Paulinho Tapajós, Edmundo Souto e Danilo Caymmi, na época, defendida por Beth Carvalho e os Golden Boys;Para não dizer que não falei de flores”, mais conhecida como “Caminhando”, de Geraldo Vandré; “Alegria, alegria”, de Caetano Veloso; “Saveiros”, de Dorival Caymmi e Nelson Motta;  “Domingo no Parque”, de Gilberto Gil.
Tudo sob a regência e a direção musical do maestro Eder Paolozzi.
Tenho certeza que será uma noite inesquecível.

Clipping assessoria de imprensa do projeto:
https://drive.google.com/open?id=1o2fl761Y0K3baKrHY8Vq5bJAWVUewRml

Lourinelson Vladmir estreia “Rua Augusta”, no TNT |A Gente Se Fala

Por vezes é corrido para dar conta de um projeto em cima da hora, mas conhecer mais de perto Lourinelson Vladmir foi uma grata surpresa. Ler as respostas das suas entrevista está sendo um grande deleite, entre a arte e o direito, na forma literal das palavras, já que o ator é advogado.
No melhor estilo “Corra-Lola-Corra”, Miriam Juvino me passou a incumbência do suporte para a divulgação do Lourinelson, já que é um personagem de destaque na série “Rua Augusta”, prodizida pelo TNT com a O2. A estreia no Canal é dia 15 de março, nesta 5af AGORA, na faixa das  22h30 – o 1o capítulo será duplo, às 23h nos próximos. Melhor de tudo, ainda, é fazer um relase às pressas, uma reunião às pressas e, depois, ficar jogando conversa ao vento com Lourinelson e Miriam, onde o ator autodidata e muito esperto para a vida, conta como são suas investigações, como se transformou no costureiro informal em pequenos consertos da família. Pode? Pode. Com este nome de artista ele pode.
Bem, corre dali, corre daqui, hoje acordei com esta belezura de página sobre “Rua Augusta” no SC do O Globo, feita pelo Alessandro Giannini, com entrevista do Lori. Pois é, já chamo de Lori. 😉
Link O Globo deste domingo:
https://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/para-viver-stripper-em-serie-fiorella-mattheis-fez-aula-de-pole-dance-frequentou-inferninhos-22477449

Foto de Renato Amoroso, divulgação TNT.