Desejo

quero te ver amanhã
imaginar quando ir embora
desligar o botão
pensar em nada
quero te ver depois de amanhã
sentir seu cheio na cutícula
embaixo da primeira camada
quero te ver após o café da manhã
molhar os lençois
fazer cachos nos cabelos
saciar pelos desejos prometidos
anunciar a chegada do outono
quero te ver, quem sabe amanhã
promessas não cumpridas
satisfazer caprichos
encontrar desculpas
sumir na noite
quero te encontrar depois de manhã, ainda
falar bobagens
olhar o nada
perder o tempo
dormir sem querer
quero te ter amanhã pela manhã
verdadeiro em tempo real
entregue
sem mais nada a dizer
depois de amanhã
inteiro como ameaça

 

RJ, maio, 2009
Foto: Silvana Cardoso | San Telmo, BA, 2017

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s